Como usar a música para tornar o seu trabalho melhor – Forbes Brasil
Carreira

Como usar a música para tornar o seu trabalho melhor

Música é bom. É bom ouvir música no carro. É bom ouvir música no banho. É bom ouvir música em todos os lugares, até mesmo enquanto trabalhamos de casa. A música tem o poder de ajudar na concentração, na autoconfiança e no alívio do estresse.

LEIA MAIS: 10 hábitos que você precisa evitar para ser mais respeitado no trabalho

Um recente estudo investigou os efeitos da música no cérebro de pessoas que estavam sob o efeito de bloqueadores de opióides (que interferem na habilidade de sentirem prazer) e no de indivíduos que tomavam placebo. O resultado mostrou que os analisados que usaram os bloqueadores aproveitaram muito menos a música em relação aos que consumiam placebo. A conclusão foi de que a música tem um efeito similar ao prazer da comida no cérebro.

Isso faz sentido. No entanto, esses efeitos não são necessariamente compatíveis no ambiente de trabalho. Ainda assim, podemos imaginar que a música possa ajudar as pessoas a serem mais produtivas, levando-se em conta, claro, que ouvir música no trabalho exige um equilíbrio delicado.

LEIA MAIS: 7 séries da Netflix que são uma aula sobre liderança

No final, você se conhece e conhece seu cérebro melhor que qualquer um. Então, se acha que a música pode distraí-lo nas suas tarefas, deixe seus fones de ouvido de lado. Mas, se sente que esse hábito o inspira, então aperte o play e vá trabalhar.

Veja na galeria de fotos abaixo como usar a música para produzir mais:

  • Escolha músicas instrumentais quando precisar de concentração

    Estudos concluíram que ouvir música com letras enquanto se executa tarefas que envolvem a linguagem é um hábito que pode nos tornar menos produtivo.

  • Escute músicas alegres quando fizer tarefas repetitivas

    Se a música pode distraí-lo de algum trabalho, também pode ser muito positiva para tarefas monótonas. Pesquisadores da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, estudaram trabalhadores de linha de montagem e descobriram que a música os tornava mais eficientes. músicas que eram animadas, no lugar de músicas que tinham um ritmo mais estável.

  • Músicas preferidas ajudam mais do que as outras

    Estudos com cirurgiões descobriram que a música ajuda a aumentar a concentração. Além disso, foi notado que o desempenho era ainda maior quando eles escolhiam suas próprias músicas, em comparação com músicas genéricas.

  • Evite escutar músicas novas

    Não caia na armadilha de ouvir novas músicas enquanto você trabalha. Muitas pessoas, especialmente as que tendem a ser “multitarefas”, pensam que podem ouvir um novo álbum e ainda trabalhar enquanto isso. No final, elas acabam distraídas. Isso acontece porque o cérebro libera dopamina quando aprende coisas novas, de acordo com estudos. Se você ouve músicas que não são familiares, o seu cérebro compromete seu foco no trabalho com químicos que promovem felicidade. De repente, seu cérebro não quer mais trabalhar e só quer escutar essa nova música.

Escolha músicas instrumentais quando precisar de concentração

Estudos concluíram que ouvir música com letras enquanto se executa tarefas que envolvem a linguagem é um hábito que pode nos tornar menos produtivo.



Comentários
Topo