Atividade econômica da Argentina tem queda interanual de 7,4% em outubro

GLADWELL / GettyImages
GLADWELL / GettyImages

Estatísticas oficiais mostram uma lenta retomada em vários setores

Um índice mensal de atividade econômica da Argentina recuou 7,4% em outubro na comparação com um ano antes, informou o Instituto Nacional de Estatísticas e Censos (INDEC) hoje (23), leitura um pouco melhor do que o esperado por analistas.

O índice EMAE subiu 1,9% ante setembro, em dado com ajuste sazonal, informou o órgão de estatísticas.

As estatísticas oficiais mostram uma lenta retomada em vários setores de uma economia atingida por uma recessão prolongada e pela pandemia do coronavírus.

Especialistas estimavam queda média de 8% na comparação interanual para o mês de outubro, conforme pesquisa da Reuters.

Nos primeiros dez meses de 2020, o indicador de atividade econômica acumula queda de 11,3% em relação ao mesmo período de 2019. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).