Forbes Radar: Hospital Care, Zoom, Linx e outros destaques corporativos

No Forbes Radar de hoje (20), o fim do período de reserva para pequenos investidores do Hospital Care nesta terça-feira, que está com a média de preço entre R$ 22,50 e R$ 28,50, e do Grupo GPS, que está com a precificação entre R$ 13 e R$ 15,50.

As empresas divulgaram os resultados financeiros e operacionais. Enquanto a Linx apontou um prejuízo líquido de R$ 65,9 milhões no quarto trimestre de 2020, revertendo o lucro líquido de RS 9,3 milhões que registrou no mesmo período de 2019, a Vale teve um aumento de 14% nas produções e vendas do primeiro trimestre desse ano – produzindo 68 milhões de toneladas de minério de ferro – devido ao aumento na demanda na China. O Carrefour também teve um crescimento de 8,6% – alcançando R$ 5,4 bilhões – nas vendas de janeiro a março.

Veja estes e outros destaques corporativos do dia:

Linx (LINX3)

A Linx divulgou o resultado trimestral do quarto trimestre. A companhia teve um prejuízo líquido de R$ 65,9 milhões no quarto trimestre de 2020, revertendo o lucro líquido de RS 9,3 milhões que registrou no mesmo período de 2019. No ano, o prejuízo foi de R$ 80 milhões, ante o lucro de R$ 38,8 milhões no ano anterior.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) do último trimestre ficou negativo em R$ 18 milhões, ante os R$ 54,9 milhões de 2019.

Na comparação anual, o Ebitda da Linx foi de R$ 113,4 milhões em 2020, uma queda diante dos R$ 200,7 milhões em 2019.

Hospital Care (HCAR3)

Os pequenos investidores que tiverem interesse em reservar as ações do Hospital Care tem até o pregão desta terça-feira (20) para informarem as corretoras que querem ser acionistas da companhia. A empresa tem estreia prevista na B3 para a próxima segunda-feira (26).

O preço indicativo está entre R$ 22,50 e R$ 28,50. Considerando a oferta-base de 31 milhões de ações e o preço médio de R$ 25,50, a empresa pode levantar cerca de R$ 790,5 milhões. O Hospital Care ainda pode contar com o lote adicional de 6,2 milhões de ativos e suplementar de 4,6 milhões. A precificação ocorrerá na quinta-feira (22).

Grupo GPS (GGPS3)

Termina hoje o período de reserva de ações para pequenos investidores do Grupo GPS. A companhia estabeleceu o intervalo indicativo entre R$ 13 e R$ 15,50. Considerando a oferta base de 180,4 milhões e o preço médio de R$ 14,25, o Grupo pode levantar cerca de R$ 2,6 bilhões, sem incluir o lote adicional de 36,1 milhões de ativos e o suplementar de 27,1 milhões. A estreia na B3 está prevista para a próxima segunda-feira (26).

Com o montante levantado, a companhia pretende distruibuir em: aquisições (50%), pagamento de dividendos (25%) e fortalecimento da capacidade financeira (25%).

Itaúsa (ITSA4)

A Itaúsa determinou o pagamento de JCP (juros sobre capital próprio) no valor de R$ 0,02131 por ação, que serão pagos até 30 de setembro, com base na posição acionária final do dia 27 de abril e com retenção de 15% de imposto de renda na fonte, resultando em juros líquidos de R$ 0,0181135 por ativo.

Vale (VALE3)

A Vale produziu 68 milhões de toneladas de minério de ferro no primeiro trimestre, alta de 14,2% ante o mesmo período do ano anterior, avançando em seu plano de estabilização e retomada operacional, informou a mineradora em relatório nesta segunda-feira.

Já as vendas de minério de ferro da companhia subiram quase 15%, com a empresa se beneficiando de maior demanda da China por minério de qualidade, como o da Vale. A mineradora também registrou um prêmio de mais de US$ 8 por tonelada pelo produto.

O aumento na produção no trimestre, segundo a empresa, teve como um dos motivos a retomada gradual das operações nos complexos Timbopeba, Fábrica e Vargem Grande, em Minas Gerais, ao longo de 2020. Tais atividades haviam sido impactadas em meio a uma ampla revisão da segurança, após rompimento de barragem em Brumadinho (MG).

Em contrapartida, os volumes de produção sofreram impacto de manutenções na importante mina S11D, além de um menor desempenho no complexo de Itabira devido à restrição de disposição de rejeitos no complexo.

Na comparação com o quarto trimestre, no entanto, houve retração de 19,5% na comparação com a produção do quarto trimestre, atribuída principalmente à sazonalidade habitual.

A Vale informou que atingiu capacidade de produção de 327 milhões de toneladas no período, diante de seu plano de estabilização e retomada, a partir do comissionamento das linhas de beneficiamento de Timbopeba (+7 milhões de toneladas), que foi parcialmente compensado por restrições de desempenho em diferentes sites.

A empresa manteve sua previsão de produzir de 315 milhões a 335 milhões de toneladas de minério de ferro em 2021.

A Vale também assinou o contrato definitivo de aquisição das participações da Mitsui na mina de carvão de Moatize e no Corredor Logístico de Nacala.

De acordo com a mineradora, “a assinatura do contrato definitivo com a Mitsui, como etapa inicial para o desinvestimento do negócio de carvão, está em linha com a estratégia de disciplina na alocação de capital e a simplificação do portfólio da Vale, e reforça tanto a meta da Vale de se tornar líder na mineração de baixo carbono, como o seu compromisso com o Acordo de Paris.”

Carrefour Brasil (CRFB3)

O Carrefour Brasil anunciou que suas vendas brutas consolidadas no primeiro trimestre somaram R$ 18,1 bilhões, com impulso de sua unidade de atacarejo.

As vendas de janeiro a março somaram R$ 17,5 bilhões, excluindo as vendas de combustíveis, um aumento de 15,1% na comparação com igual período de 2020.

As vendas do Carrefour Varejo alcançaram R$ 5,4 bilhões no trimestre, crescendo 8,6% na base mesmas lojas, excluindo combustíveis.

A receita bruta do Atacadão atingiu R$ 12,7 bilhões, impulsionada pelo crescimento de 17,5%. Considerando a mesma base de lojas, a expansão foi de 12,9%.

O grupo abriu 11 lojas no período, levando para um total de 732. Nove inaugurações foram de lojas do Atacadão, além de uma de conveniência e uma drogaria. A empresa planeja abrir 45 novas lojas em 2021.

O Carrefour Brasil anunciou no mês passado a compra por R$ 7,5 bilhões, das operações do Grupo BIG no país (ex-Walmart), que tem 181 lojas.

Coca-Cola (COCA34)

A Coca-Cola superou estimativas para o lucro e a receita trimestrais, em resultado apoiado pela forte demanda por seus refrigerantes com a vacinação contra a Covid-19, enquanto o alívio de restrições na Ásia encorajou consumidores a retornar para rotinas pré-pandemia.

A fabricante de bebidas disse que os volumes, um indicador-chave da demanda, voltaram aos níveis de março de 2019.

A receita líquida subiu cerca de 5%, para US$ 9,02 bilhões – o primeiro aumento após quatro trimestres de quedas – acima da estimativa média dos analistas de US$ 8,63 bilhões, segundo dados do IBES da Refinitiv.

Excluindo itens únicos, a empresa registrou lucro de US$ 0,55 por ação, em comparação com estimativas de US$ 0,50. A empresa e a Coca-Cola Beverages Africa (CCBA) também anunciaram planos de listar a CCBA como uma empresa de capital aberto.

Gerdau (GGBR4)

A Gerdau anunciou ontem (19) que investirá cerca de R$ 1 bilhão neste ano em sua divisão de aços especiais no Brasil. Os recursos serão usados pela empresa para modernizar e ampliar operações para atender o que chama de “perspectivas positivas de retomada dos setores automotivo e de máquinas e equipamentos”.

A Gerdau afirmou em comunicado que o valor faz parte do investimento global anunciado em fevereiro, de R$ 3,5 bilhões. Parte dos recursos do plano são relativos a planos adiados em 2020 devido aos impactos da pandemia na economia.

Gerdau afirmou que o aporte terá como foco as usinas de Pindamonhangaba e Mogi das Cruzes, em São Paulo, e em Charqueadas, Rio Grande do Sul. A usina de Mogi das Cruzes terá a aciaria reativada, com previsão de que as atividades sejam reiniciadas no início do segundo semestre. A unidade estava paralisada desde março de 2019 e operará com capacidade anual de cerca de 180 mil toneladas de aço, que será laminado na usina de Pindamonhangaba. Nesta, a instalação “está dando continuidade ao investimento no novo lingotamento contínuo, previsto para entrar em operação em agosto de 2022”, afirmou a Gerdau.

Em Charqueadas, a Gerdau vai instalar um novo forno de “recozimento e esferoidização para barras de aço”, que permitirá atender demanda crescente por materiais com especificações mais exigentes, principalmente pelo setor automotivo. O equipamento, com capacidade anual de 48 mil toneladas, começa a operar em agosto de 2022, afirmou a empresa.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

G2D Investments (G2DI)

A G2D Investments definiu o preço da oferta de ações entre R$ 5,73 e R$ 8,59 por BDR. Considerando a oferta de 139 milhões de ações e o preço médio de R$ 7,16, a companhia pode levantar R$ 1 bilhão, sem considerar o lote adicional de 27 milhões BDRs e suplementar de 20 milhões. O preço será definido em 10 de maio.

Os recursos obtidos com a oferta serão usados para investimentos e aquisições potenciais (43,60%), investimentos já contratados (21,70%), amortização de dívida (19,60%) e capital de giro (15%).

Petrobras (PETR4)

Joaquim Silva e Luna, o novo presidente da Petrobras, buscará reduzir a volatilidade dos preços de combustíveis sem “desrespeitar” a paridade de importação, como disse ontem (19) em sua cerimônia de posse, fazendo disparar as ações da companhia.

A afirmação vem após o presidente anterior da estatal, Roberto Castello Branco, ter sido substituído em meio a críticas do presidente Jair Bolsonaro por uma alta expressiva dos preços de diesel e gasolina no Brasil, que refletiam o avanço das cotações no exterior.

Em um discurso de pouco mais de 15 minutos, no qual ressaltou que “deve chegar ouvindo mais e falando menos”, o general da reserva defendeu que é preciso conciliar “interesses de consumidores e acionistas”. Na sequência, ele disse que buscará “reduzir volatilidade, sem desrespeitar a paridade internacional, perseguindo a redução da dívida, investindo em pesquisa e desenvolvimento e contribuindo para a geração de previsibilidade ao planejamento econômico nacional”.

O analista de Research da Ativa Investimentos, Ilan Arbetman, afirmou que o tom conciliatório e parcimonioso adotado por Luna é benigno. No entanto, ressaltou que “a aplicação de transformações no dinamismo de preços e a manutenção da paridade tendem a apresentar antagonismo e requererão do novo CEO decisões que, corretamente, serão tomadas após o mesmo se ambientar na presidência da companhia”.

“Uma vez que a mudança no comando da petrolífera fora motivada pela insatisfação do governo com a política atual de preços, acreditamos que uma definição sobre os rumos da nova abordagem quanto a política de preços será o primeiro e principal desafio da nova gestão”, afirmou.

Luna também apontou para uma continuidade em relação ao que pregava a administração anterior, dizendo que a Petrobras deve “crescer sustentada em ativos de óleo e gás de classe mundial, em águas profundas e ultraprofundas, buscando incessantemente custos baixos de eficiência”. Castello Branco vinha realizando um ambicioso plano de venda de ativos, para focar na produção de óleo e gás natural, no pré-sal, em áreas com alto rendimento.

Além de acenar para o mercado e para consumidores, Luna também se direcionou ao quadro de pessoal da empresa, qualificando-o como “comprometido, engajado, vibrante, profissional” e ressaltou a escolha dos quatro novos diretores, que acumulam décadas de experiência na petroleira.

“O que se quer do novo presidente da Petrobras, imagino, é que ele produza em equipe, sempre alinhado com a missão da empresa e liderando um time capaz de vencer desafios nessa complexa conjuntura, entregando ainda os resultados”, afirmou.

Zoom (Z1OM34)

O Zoom criou um fundo de US$ 100 milhões para investir em startups que usem sua tecnologia.

A empresa de videoconferência se tornou um nome comum durante a pandemia, impulsionada por medidas de isolamento social impostas por governos ao redor do mundo.

A vice-presidente financeira da Zoom, Kelly Steckelberg, disse à Reuters que o fundo investirá entre US$ 250 mil e US$ 2,5 milhões em empresas que estão criando os chamados “Zoom Apps”, aplicativos que se conectam à plataforma de videoconferência da empresa para adicionar novos recursos a ela.

Embora nomes já consolidados como a Salesforce tenham aplicativos que podem ser usados no Zoom, Steckelberg disse que a empresa quer incentivar os desenvolvedores a criarem novas funções para a plataforma, como quadros digitais para esboço de ideias.

Ela ainda afirmou que o fundo também será aberto a empresas como desenvolvedoras de aplicativos de telemedicina ou fabricantes de hardware para salas de videoconferência que desejem explorar os sistemas de vídeo do Zoom.

Itaú Unibanco (ITUB4)

O Itaú Unibanco informou a captação de US$ 400 milhões com a DCF (United States International Development Finance Corporation) para expandir crédito à pequenas e médias empresas.

Segundo o banco, a oferta de empréstimos terá foco em regiões como Norte e Nordeste do Brasil, e empresas majoritariamente controladas ou lideradas por mulheres.

Via Varejo (VVAR3)

A Via Varejo, dona das marcas Casas Bahia e Ponto frio, informou que seu conselho de administração aprovou proposta de emissão de R$ 1 bilhão em debêntures, segundo ata de reunião voltado à ESG.

A emissão será feita em duas séries, com vencimentos respectivos de três e cinco anos. Os recursos da captação serão usados para alongar dívida e reforçar caixa da companhia.

C&A Modas (CEAB3)

O Itaú Unibanco informou a C&A que a soma de ações detidas pelo conjunto dos fundos de investimento geridos pelo Itaú atingiu 5,155% das ações ordinárias da Companhia, totalizando 15 milhões. O Itaú declara, ainda, que tal participação não tem o objetivo de alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da sociedade.

Moura Dubeux (MDNE3)

O conselho de administração da Moura Dubeux aprovou a criação de um programa de recompra de ações de emissão da companhia. Tendo como objetivo principal de maximizar o valor dos papéis para os acionistas. A empresa irá adquirir cerca de 10% do total em circulação, ou seja, 5,7 milhões de 57 milhões de ativos.

Magazine Luiza (MGLU3)

O Magalu, por meio da Luizacred, joint venture com o Itaú Unibanco, lança o Cartão Magalu, um cartão de crédito digital, sem anuidade e com cashback na conta digital MagaluPay. O cartão é totalmente integrado ao superaplicativo da empresa. Será no app que o cliente poderá consultar saldo, limite disponível e fazer o pagamento da fatura.

“O Cartão Magalu será a ligação do mundo físico com o digital do superaplicativo. Ele fará a ponte com o MagaluPay”, afirma Robson Dantas, diretor de fintech do Magalu. “A existência do cartão vai aumentar o uso de nosso aplicativo e fidelizar, ainda mais, o cliente, que terá benefícios para comprar em nosso ecossistema.”

American Airlines (AALL34)

A American Airlines anunciou que reduzirá voos para alguns destinos na América do Sul porque a pandemia Covid-19 diminuiu a demanda.

A companhia aérea dos EUA disse que está suspendendo o serviço de Miami para Manaus (AM) até 2 de novembro e atrasando o início do serviço de Nova York para Santiago, Chile, até 2 de julho, em vez do início planejado para 7 de maio.

A American Airlines Também reduzirá a frequência de voos para o Rio de Janeiro e São Paulo e para Lima a partir de alguns aeroportos dos Estados Unidos.

(Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).