Open Co anuncia captação de FIDC de R$ 1,5 bilhão

Divulgação
Divulgação

Cofundada por Sandro Reiss e Rafael Pereira, a Open Co utilizará o aporte para garantir que cada vez mais pessoas tenham acesso a créditos a taxas justas

A Open Co, resultado da fusão da Geru e da Rebel, anunciou hoje (19) uma captação de R$ 1,5 bilhão por meio do lançamento de um FIDC (Fundo de Investimento em Direitos Creditórios). Do total, cerca de R$ 1 bilhão vem do banco norte-americano Goldman Sachs. Os outros R$ 500 milhões vêm de recursos próprios e investidores locais.

De acordo com a empresa, o FIDC será a fonte de financiamento dos empréstimos futuros. Os recursos serão utilizados para garantir que cada vez mais pessoas tenham acesso a créditos a taxas justas. Antes da fusão, Geru e Rebel haviam feito, juntas, R$ 1,5 bilhão em crédito. Para 2021, a previsão é que a Open Co conceda mais R$ 1 bilhão.

LEIA MAIS: Quem Inova: Karin Thies fala sobre estratégia, dados e união da Geru e Rebel

“Com isso, criamos uma fundação sólida para executar o nosso propósito e iniciamos um novo ciclo, entrando numa direção de crescimento muito grande. Vamos combinar o expertise global em securitização do Goldman Sachs com o nosso track record, as melhores práticas e alguns dos mais competentes investidores de crédito do Brasil”, diz Raphael Zagury, sócio fundador e CFO da fintech.

Em março, a Open Co anunciou um aporte de R$ 150 milhões em rodada liderada por IFC e Goldman Sachs, com participação da Raiz Investimentos, Monashees, LTS, Chromo e Sampa. A companhia já tem no currículo 11 operações de securitização feitas no Brasil por meio de sua própria companhia securitizadora, debêntures e de um FIDC. Os principais investidores destas operações também serão cotistas do novo fundo.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).